Caverna de Santana

Uma das regiões desconhecidas do Brasil é o Vale do Ribeira, muito montanhosa e com área de aproximadamente 160 km por 80 km, abrangendo os Estados de São Paulo e Parana. Tem poucas vias de acesso, embora esteja situada entre duas das maiores cidades brasileiras: São Paulo e Curitiba. A população é rarefeita, os povoamentos são muito pequenos e a impressão é que estamos voltando 50 anos no tempo. Ingredientes perfeitos para o Ecoturismo.

Bem no meio desta região está situado o Petar - Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira, com mais de 350 cavernas, sendo 12 (doze) abertas ao público e rios espetaculares. A mais visitada é a Caverna de Santana, com cerca de 8,0 km de extensão, sendo 800 metros liberados para visitação. É uma atração conhecida muldialmente, sendo muito comum encontrar turistas estrangeiros. É também um local de estudos científicos, que são realizados nas áreas fechadas ao público.

Pode ser acessada de São Paulo pela rodovia Regis Bitencourt, na sequencia Jacupiranga, Eldorado e Iporanga mais 17 km de terra, num total de 331 km em 5,0 horas de viagem ou pela rodovia Raposo Tavares, na sequencia Itapetininga, Capão Bonito, Guapiara, Apiai mais 25,0 km de terra. num total de 348 km em 5,0 horas de viagem. Nos trechos de terra, especialmente de Apiai à Caverna de Santana, tenha muito cuidado pois a estrada é muito estreita, cheia de curvas e ladeada de precipícios muito profundos.

É possivel fazer o passeio em apenas um dia, saindo cedo de São Paulo e chegando de retorno à noite. No entanto, quem quizer ficar por mais tempo e conhecer melhor a região, o entorno do Petar oferece varias pousadas.

Quanto à beleza do lugar as fotos falam por si só. 

Veja mais imagens em: www.Lugarzinho.com.br - seleção de imagens apresentadas pelo Google/imagens